Make your own free website on Tripod.com








GR69 - Grande Rota das Aldeias Miticas

5ªEtapa














Home | O Projecto | O Objectivo | Equipa | Track GPS | A Preparação | 1ªEtapa | 2ªEtapa | 3ªEtapa | 4ªEtapa | 5ªEtapa | 6ªEtapa | 7ªEtapa | Estatisticas | Galeria | Contactos





5ªEtapa

29 Abril

Pedrógão Grande - Abrantes

Tipo de Etapa: Média Montanha

Kms: 84,7 Kms

Media: 14,9

Tempo Movimento: 5:41:40

Tempo Total: 6:54:02

 

 

Já estávamos dentro da 5º Etapa.

Ainda lembrando a etapa anterior. Previa o mesmo inferno para esta etapa. Apesar de saber que tinha saído da Alta Montanha e iria entrar na Média Montanha.

É na Meia Montanha onde eu me dou melhor. O sobe e desce constante desde que não seja muito longo, enquadra-se nas minhas características e esta etapa era mesmo isso. Media Montanha que andava ente os 200 e os 500 metros.

Dividia esta etapa em 4 partes

Pedrógão – Sertã

Sertã – Vila do Rei

Vila do Rei – Sardoal

Sardoal – Abrantes

Todas elas são curiosamente diferentes.

Com uma boa noite dormida e um bom pequeno-almoço, estava pronto para o que seria a minha segunda melhor etapa do GR69.

Apesar de preocupado, vi logo na primeira subida que não estava fatigado. As pernas queriam andar e isso era um muito bom sinal.

De Pedrógão até Sertã, os trilhos são bastante agressivos. Tive que subir até aos 650metros, o que era o ponto mais alto desta etapa.

Como me senti bem e preocupei-me em gerir o esforço, a subida aos 650 metros não me marcou muito. Fiquei muito admirado e questionei-me como é possível o corpo se alterar tanto de um dia para o outro. Não me questionei mais porque o corpo poderia ouvir e desgraçar-me de novo.

As paisagens são brutais. Estamos no cimo da montanha e observamos milhares de trilhos ao nosso redor. É o Paraíso de qualquer Bttista.

Depois de subir é sempre a descer até à Sertã. O tempo estava muito bom, com bastante sol e a temperatura amena. Para a moral nada melhor que um dia assim.

Rapidamente cheguei à Sertã. Descansei um pouco no jardim e parti para a segunda fase da etapa.

Até Vila do Rei é a parte do sofrimento. São 36 kms num sobe e desce e com muitos rompe pernas. Meus amigos, os trilhos são de rara beleza. Vale mesmo a pena fazer esta etapa só por estes kms. Sem dúvida a parte mais bonita e interessante desta etapa.

Nesta parte da etapa encontra-se o marco geodésico que marca o centro de Portugal. Fica a 2 kms de Vila do Rei.

Encontrei nesse ponto muito Povo do downhill. Vila do Rei é de facto um dos pontos fortes do Downhill em Portugal.

Almoço em Vila do Rei, num Churrasqueira maravilhosa. O almoço foi brindado por uma cerveja bem gelada.

De Vila do Rei ao Sardoal é um autêntico passeio de ciclo turismo. Toda esta parte da etapa é efectuada por estradas terciárias. Não pensem que é fácil, porque aquela zona é muito montanhosa e mesmo efectuar alguns quilómetros naquelas estradas é um pouco duro. Mas como a condição física estava muito bem, rapidamente chegamos ao Sardoal.

Do Sardoal até Abrantes foi um misto de emoções. Primeiro porque Sardoal é pertinho de Abrantes e depois verifiquei que não era bem assim.

Esta ultima parte da etapa era plana, com a média sempre a subir. Os trilhos já não eram muito técnicos, nem tinham muita pedra. Eram bem rolantes e lisos.

O problema foi quando me apercebi que o track não era a direito do Sardoal até Abrantes, mas sim andava á volta de Abrantes. Durante muito e muitos quilómetros avistei Abrantes, mas andei a conhecer quase de certeza todos os caminhos lá da zona.

A talega mandou nesta parte da etapa.

Cheguei muito cedo a Abrantes. Eram 16:35m, o que deu para sentar numa esplanada a beber 2 imperiais e a comer uma moelas.

Depois de lavar a roupa e do belo banho, estava na hora de ir arranjar um restaurante com sport tv para ver o Benfica-Sporting. Como ficou tudo na mesma, aproveitei e jantei bem, regadinho com uma bela cerveja.

Às 22H30 já estava preparado para dormir e sonhar com a etapa de amanhã.         

 

Notas:

Pequeno Almoço: Sandes Mista, Sandes Marmelada, Sumo Laranja e Meia de Leite

Almoço: Espetada Mista

Jantar: Lasanha

Barras consumidas durante o dia: 4

Agua consumida durante o dia: 3,5 litros